Notícias

HUPAA responde questionamentos do Sintufal sobre jornada

Ofício com resposta foi recebido nesta quarta-feira (17/06) pelo Sindicato

Foto: Divulgação

A superintendência do Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (Suprin/HUPAA) respondeu, nesta quarta-feira (17/06), ao ofício de nº 19/2020 enviado pelo Sindicato dos Trabalhadores na Universidade Federal de Alagoas (Sintufal), no último dia 15 deste mês, solicitando esclarecimentos a respeito de plantões 24 horas dos servidores do HUPAA. 

Na resposta do HUPAA sobre adoção de regime com jornada de plantão 24 por 72 horas também para servidores do Regime Jurídico Único (RJU), o HUPAA afirma que “a Superintendência só soube do tema via Sindicato, nunca chegou nenhuma informação a essa Suprin/HUPAA de que haveria ou houve essa proibição por algum setor”.

O documento segue argumentando que “há anos alguns setores do HUPAA que funcionam em regime de plantão tem funcionários RJU, a questão é, unicamente, organizacional do setor e não houve nenhum encaminhamento da Superintendência sobre o tema”.

A superintendência informou, ainda, que “em reunião nessa tarde, a che?a da Divisão de Enfermagem (Enfº César) comunicou a Suprin que não houve nenhuma orientação dele proibindo essa escala, da mesma forma se pronunciou a gerência de atenção à saúde. Cabendo, portanto, as che?as o controle de ponto, bem como a de?nição sobre qual a necessidade do setor, se é possível atuar em regime de plantão ou se o setor funciona em regime diarista, bem como considerar o índice de afastamentos por doenças ou outros. Da mesma forma, foi-nos informado que houve uma consulta ao setor jurídico no intuito de con?rmar o entendimento que não há proibição de plantões para o regime RJU”.

O texto da resposta do HUPAA diz também que “nesse sentido, mais uma vez, a Suprin informa que não faz distinção entre funcionários RJU ou Ebserh. Nossos colaboradores têm toda a nossa admiração e respeito pelo esforço que fazem em prol da população”. 

E esclarece, ainda, que “continuam à disposição do Sindicato e que também é seu papel buscar posicionamentos o?ciais para embasar sua tomada de decisões. Por fim, a Suprin reconhece que os ganhos históricos dos trabalhadores da Universidade ocorreram via demandas Sindicais, sendo este que responde também funcionário do regime RJU”.

Em arquivo, anexo, veja na íntegra o ofício em resposta ao Sintufal enviado pelo HUPAA.

Ícone facebook
Ícone twitter
Ícone whatsapp
Ícone email
Ícone impressora